terça-feira, julho 14, 2015

Aquele momento da vida em que chegamos à conlusão

Sempre cresci com a ideia (por culpa da mãe) de que tinha de ser perfeito. Mas quando comecei a falhar e  a aceitar que tenho muitas limitações, foi quando ganhei a oportunidade de ser verdadeiramente bom. 

2 comentários:

N a m o r a d o disse...

Como te percebo...

UmCãoàChuva disse...

Sermos nós próprios, apesar das nossas imperfeições é o que nos faz únicos!
Sinto o mesmo mas em relação ao meu Pai...